Exploração de animais na 29ª Bienal de São Paulo

Eu adoro a bienal, mas geralmente os artistas surtam nas idéias. Mais uma vez, uma instalação causa polêmica: O artista Nuno Ramos desenvolveu uma instalação para a 29a Bienal de São Paulo que terá três urubus confinados como parte de uma exposição. O “viveiro” foi cercado com telas de proteção pretas e equipado com cerca de 50 alto-falantes, sobre três túmulos gigantescos. De cada um deles, as caixas de som emitirão três músicas distintas (‘Carcará’, ‘Bandeira Branca’ e ‘Acalanto’), algumas vezes simultaneamente, outras isoladamente.

Urubus confinados na instalação de Nuno Ramos

A bienal que iniciará esse fim de semana, irá confinar esses animais até dezembro num ambiente de puro estresse vindo da própria instalação e  dos milhares de visitantes que circularão pela Bienal. Além disso, tem outros fatores como luz artificial e cheiros que causam mal-estar até mesmo a quem está visitando, imagine então a estes animais.

Bom, acho que dessa vez deixarei de visitar a Bienal. Foi tema de umas das discussões desse fim de semana, como é importante em TODAS as áreas o estudo sobre o meio ambiente, porque me choca como as pessoas podem ser tão alienadas sobre esse assunto, por mais que ele seja tema diariamente.

No ANDA, você consegue ver outros casos de exploração dos animais na arte.

fonte: http://www.anda.jor.br/2010/09/22/bienal-de-sp-permite-exploracao-de-urubus-como-forma-de-arte/

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s